Notícias

11/09/2017

Incubada do Tecpar participa de processo de aceleração em busca de investidores

tecpar3A Compracam Company, primeira empresa ingressante no campus de Jacarezinho da Incubadora Tecnológica do Tecpar (Intec), foi uma das selecionadas para participar do processo de aceleração da Aceleradora Hotmilk. Até o início de outubro, os empreendedores participam do programa na unidade de Londrina da aceleradora.

Os quatro sócios da Compracam, Pedro Domingues, Luís Samuel dos Santos, Rafael Macedo e Matheus Inácio, ingressaram no processo de incubação no Instituto de Tecnologia do Paraná (Tecpar), em novembro de 2016, com o objetivo de gameficar sistemas de gestão para microempreendedores individuais (MEIs).

Até agora, a empresa já desenvolveu os sistemas de gestão, que estão sendo utilizados por mais de 20 usuários. O próximo passo é realizar a gameficação dos sistemas. “Neste conceito, o cliente joga com as informações e isso o ajuda a gerir sua empresa como se estivesse jogando um videogame. É um mercado promissor e agora estamos em busca de investidores”, conta Pedro Domingues.

Agora, com o programa de aceleração da Aceleradora Hotmilk, da Pontifícia Universidade Católica (PUCPR), os empreendedores querem realizar melhorias nos processos da empresa. “A aceleração vai complementar o processo de incubação. Queremos, ao final da aceleração, ter acesso a um fundo de investimento para expandir no mercado e finalizar o processo de gameficação dos sistemas de gestão”, pontua Domingues.

Intec

Empreendedores que queiram participar do programa de incubação do Tecpar podem se candidatar a uma vaga em uma das duas unidades da Intec, em Curitiba e em Jacarezinho. São ofertadas vagas para a modalidade residente – quando a empresa fica nas dependências da Intec – e para a incubação não residente, quando o empresário não se instala na incubadora, mas conta com o apoio dos especialistas do instituto.
A Intec oferece também o programa de Incubação Verde, para acelerar o desenvolvimento de negócios sustentáveis e os pedidos de patentes de tecnologias verdes.

Ao longo de 28 anos, a Intec já deu suporte tecnológico a mais de 100 negócios. No momento, oito empresas passam pelo programa da Intec, com o desenvolvimento de tecnologias em diversas áreas: Vuk Personal Parts, Compracam, Provena, RR Import, Forrest Brasil Tecnologia, OrangeLife, Neurocel e E4R – Engineering for Rehabilitation.
Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.