Darci Piana apresenta potenciais do Paraná ao embaixador da Espanha
13/10/2021 - 14:02

O governador em exercício Darci Piana recebeu nesta quarta-feira (13), no Palácio Iguaçu, em Curitiba, a visita oficial do embaixador da Espanha no Brasil, Fernando Garcia Casas, e apresentou as principais áreas de investimentos e os potenciais de negócios do Estado. Na reunião, Piana ainda reforçou a intenção de manter cooperação acadêmica entre as universidades paranaenses e instituições de ensino superior espanholas.

Piana falou sobre o panorama econômico paranaense, com alta na geração de empregos e crescimento nos setores de indústria e comércio. De acordo com ele, o Estado têm planos robustos de investimentos para os próximos anos, envolvendo especialmente rodovias, ferrovias e aeroportos.

“Além da concessão de mais de 3 mil quilômetros de rodovias, o Estado trabalha para efetivar a instalação da Nova Ferroeste, que vai ligar Maracaju, no Mato Grosso do Sul, ao Porto de Paranaguá”, disse. “São mais de R$ 60 bilhões em investimentos apenas nesses dois projetos”, acrescentou Piana.

Para os aeroportos, entre recursos do Governo do Estado, União e iniciativa privada, os investimentos superam R$ 1,5 bilhão. O planejamento é fazer com que o transporte aéreo seja protagonista na transformação do Paraná em hub logístico da América do Sul, conforme destacou Piana.

O embaixador Fernando Casas manifestou o interesse de empresários em estreitar parcerias comerciais do país com o Paraná. Ele citou a localização estratégica e as facilidades de acesso aos grandes mercados que o Estado oferece, o que aumenta o interesse em investimentos na região.

“Conheço muito bem as capacidades do Estado. Temos empresas espanholas com ações voltadas para a infraestrutura, energia e produção de automóveis sediadas no Paraná e que desejam estreitar o relacionamento comercial e político com o Estado. Vamos fortalecer ainda mais essa parceria sólida construída com o Paraná”, ressaltou o diplomata.

EMPREGOS – Quarto estado no País com o melhor resultado na geração de empregos na primeiro semestre, os bons números do Paraná, segundo o governador em exercício, mostram uma tendência que vem se repetindo ao longo do ano no Estado.

Ele apontou que com 21.973 vagas formais abertas apenas em agosto, de acordo dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) divulgados no final de setembro, o Paraná obteve o melhor resultado para o mês dos últimos 18 anos. “Nunca na história da economia do Paraná, neste período, o Estado conseguiu ter esse montante de contratações”, afirmou.

A indústria foi o setor que mais gerou postos de trabalho no Paraná de janeiro a agosto deste ano. Foram 30.846 vagas criadas no Estado no período, 20% do total de 153.696 postos abertos no ano.

INTERCÂMBIO – Na área acadêmica, a Universidade Estadual de Londrina (UEL), Universidade Estadual de Maringá (UEM), Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG) e Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unieste) mantêm 14 acordos de cooperação com instituições de ensino superiores espanholas.

Segundo o embaixador da Espanha, o objetivo é desenvolver atividades de docência e pesquisa, fomentar o intercâmbio de professores e alunos, de informação sobre temas de pesquisa, livros, publicações e outras matérias de interesse e promover o debate e intercâmbio de experiências sobre assuntos de benefício mútuo.

“Temos cerca de 4 mil brasileiros cursando doutorado em universidades da Espanha e muitos deles são paranaenses. Temos interesse em fazer com que esses intercâmbios educacionais continuem crescendo”, destacou.

AGRICULTURA – O status sanitário de área livre de febre aftosa sem vacinação concedido pela Organização Mundial da Saúde Animal (OIE) ao Paraná, maior conquista para o agronegócio paranaense nos últimos 50 anos, é essencial para o crescimento do setor do Estado, citou Piana.

De acordo ele, a chancela abre um mercado importante não apenas para a carne bovina, mas também para outras proteínas e seus derivados, gerando uma cadeia de oportunidades de novos investimentos no Estado.

DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL – O governador em exercício reafirmou, ainda, o compromisso do Governo do Estado com a agenda ambiental, que inclui iniciativas como o Plano Estadual de Mudanças Climáticas, o Programa Estadual de Resíduos Sólidos e a Política Estadual de Crédito de Carbono.

PRESENÇAS – Também participaram da reunião a cônsul-honorária da Espanha em Curitiba, Blanca Hernando Barco, e a diretora do Instituto Cervantes, Rosa Sánchez-Cascado.

Últimas Notícias