Residência Técnica

Trata-se de mais um programa inovador coordenado pela Superintendência de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior desenvolvido em parceria com as universidades estaduais e secretarias de estado. O objetivo é qualificar os servidores públicos estaduais e habilitar profissionais de diferentes áreas. A oferta de um conhecimento especializado contribui com a formação de pessoal para atender demandas em diferentes áreas do setor público.

A LEI Nº 16020, publicada em 19/12/2008, estabelece os critérios para o Programa de Residência Técnica no estado do Paraná. O programa engloba a realização de um curso de pós-graduação Lato Sensu (Especialização), ofertado por Instituições de Ensino Superior Pública ou Privada, localizadas no  Paraná. Envolve também a realização de atividades práticas na área de formação que serão desenvolvidas nas Secretarias de Estado e nas entidades autárquicas estaduais desde que, possuam convênio ou termo de cooperação com

Os cursos são gratuitos e os residentes que não integram o quadro de servidores públicos recebem bolsa-auxílio no valor de R$ 1900,00 durante a duração do curso que é de 2 anos.

 

PROGRAMA DE RESIDÊNCIA TÉCNICA EM ENGENHARIA E ARQUITETURA NO ESTADO DO PARANÁ

Viabilizado por meio da oferta de Curso de Especialização em Projetos e Obras Públicas de Edificações do Programa de Residência Técnica, na modalidade a distância, em conjunto com as Universidades Estaduais de Londrina (UEL), Maringá (UEM), Pronta Grossa (UEPG), e do Oeste do Paraná (UNIOESTE).

Foi criado com o objetivo de habilitar recém-formados para atuarem em órgãos e empresas públicas e na prestação de serviços profissionais em obras e edificações públicas.

O curso foi ofertado para profissionais com graduação nas áreas de Engenharia (Civil, Mecânica, Elétrica, Produção e Ambiental) e/ou Arquitetura.

Durante o curso foram capacitados 164 Residentes.

 

PROGRAMA DE RESIDÊNCIA TÉCNICA EM SISTEMA ÚNICO DA ASSISTÊNCIA SOCIAL

Viabilizado por meio da oferta de Curso de Especialização em Gestão Pública, com Ênfase em Sistema Único da Assistência Social. 

O curso de especialização deu ênfase nas seguintes áreas: Sistema Único da Saúde, Direitos Humanos e Cidadania, Gestão Escolar, Planejamento e Avaliação de Políticas Sociais ou Sistema Único da Assistência Social (SUAS). Na área de assistência social, o curso foi associado ao Programa de Residência Técnica.

O Governo do Estado destinou R$ 13,72 milhões por meio da SETI para execução e manutenção do programa.

143 Residentes e mais 279 servidores públicos realizaram o curso de especialização.

 

PROGRAMA DE RESIDÊNCIA TÉCNICA EM GESTÃO PÚBLICA

O Programa de Residência Técnica em Gestão Pública, com Ênfase em: Sistema Único da Assistência Social, Direitos Humanos e Cidadania e Planejamento e Avaliação de Políticas Sociais foi executado por meio da oferta do Curso de Especialização “Gestão Pública na modalidade a distância - 2ª edição, com ênfase em: Sistema Único da Assistência Social, Direitos Humanos e Cidadania e Planejamento e Avaliação de Políticas Sociais”. O curso de especialização foi ofertado para servidores das Secretarias da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (SETI), da Família e do Desenvolvimento Social (SEDS), da Administração e da Previdência (SEAP/Escola de Governo), Justiça, Trabalho e Direitos Humanos (SEJU) e da Casa Civil, na modalidade a distância, pela Universidade Estadual de Ponta Grossa - UEPG em conjunto com as Universidades Estaduais de Londrina - UEL, Maringá - UEM, e do Centro Oeste – UNICENTRO.  A prática acadêmico-pedagógica dos alunos residentes foi realizada nos diversos órgãos e entidades do Estado do Paraná.

O curso foi ofertado para profissionais com graduação nas áreas de Serviço Social, Psicologia, Estatística, Bacharel em História, Bacharel em Letras, Direito, Ciências Contábeis, Administração, Pedagogia, Ciências Econômicas, Jornalismo ou Comunicação Social (com habilitação em jornalismo), Tecnologia da Informação (Informática, Engenharia de Computação).

Durante o curso foram capacitados 228 Residentes e 278 servidores públicos realizaram o curso de especialização.

 

PROGRAMA DE RESIDÊNCIA TÉCNICA EM ENGENHARIA E GESTÃO AMBIENTAL

Viabilizado por meio da oferta de curso de Especialização em Engenharia e Gestão Ambiental.

Residentes capacitados – 535