UEPG investe R$ 1,4 milhão em novos equipamentos de informática
25/10/2021 - 13:04

A Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG) adquiriu equipamentos de informática para suprir a demanda de setores e áreas administrativas. São 235 computadores de mesa e 42 notebooks, além de acessórios, como estabilizadores de energia. Os equipamentos estão sendo distribuídos a colegiados, departamentos, setores de pós-graduação, pró-reitorias e órgãos suplementares.

Foram investidos R$ 1,4 milhão, verba proveniente do Fundo Paraná, via Superintendência Geral de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (Seti). O pró-reitor de assuntos administrativos, Ivo Mottin Demiate, explicou que a compra dos equipamentos visa melhorar a infraestrutura institucional.

“Agora que os servidores estão voltando ao presencial, estamos fazendo o repasse e instalação nos setores. Na medida do possível, vamos tentar suprir as necessidades dos funcionários”, disse.

A UEPG está recebendo os equipamentos desde o ano passado, de maneira gradual. “Recebemos os 42 notebooks em 2020 e alguns foram para suprir as demandas dos alunos nas aulas remotas. Agora, os novos computadores vão atender necessidades dos cursos e órgãos da Universidade”, informou. “Ainda vamos distribuir materiais para aulas práticas, que estavam guardados na Diretoria de Material e Patrimônio (Dimapa). A distribuição acontece de acordo com a necessidade e dos pedidos que nos chegaram”.

O professor Miguel Sanches Neto, reitor da UEPG, explica que a instituição começou, ainda antes da pandemia, a fazer um levantamento sobre as necessidades de cada curso, em termos de equipamentos. Durante a pandemia houve esforço para garantir as condições necessárias para o retorno das atividades presenciais.

“Esses equipamentos já estão sendo transferidos para os setores, para que no retorno das aulas presenciais tenhamos melhores condições de ensino e aprendizagem”, disse o reitor. “Esse é um exemplo de enfrentamento de demandas que serão fundamentais no pós-pandemia”.

Os equipamentos estão guardados no Núcleo de Tecnologia de Informação (NTI) para instalação de sistemas e programas. Os 235 computadores de mesa são da marca Dell e Lenovo, com processador Intel i3 e i5, com 8 Gb de memória. À medida que forem configurados serão instalados nos departamentos e colegiados.

De acordo com o diretor do NTI, Luiz Gustavo Barros, somente os computadores de mesa tiveram um investimento total de R$ 1,07 milhão. “Além da distribuição em cada setor, departamento e colegiados, também instalaremos máquinas em laboratórios multiusuários de informática”, explicou.

Nara Hellen Campanha Bombarda é coordenadora do Programa de Pós-graduação em Odontologia e recebeu os novos computadores no início de outubro. Segundo ela, as máquinas facilitam o trabalho dos professores. “Os equipamentos contribuem para todo o nosso trabalho na coordenação, principalmente em relatórios para a Capes, que são trabalhosos e precisam ser enviados cumprindo todas as especificações”, enfatizou.

 

Últimas Notícias