Paraná Fala Idiomas - Apresentação

Com o apoio da Superintendência de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior do Paraná (SETI), bem como da Unidade Gestora do Fundo Paraná (UGF), o Programa tem como principal objetivo apoiar o processo de internacionalização das instituições de ensino superior do Paraná. Com o aprimoramento das capacidades de comunicação científica e acadêmica em língua estrangeira, os cursos de graduação e pós-graduação de nosso Estado podem conquistar um patamar compatível com os das melhores universidades nacionais e estrangeiras.

A primeira etapa do programa iniciou no segundo semestre de 2014 e teve duração de 22 meses envolvendo as sete universidades estaduais do Paraná (UEL, UEM, UENP, UNIOESTE, UNICENTRO, UEPG e UNESPAR). Nesta etapa, foram ofertados cursos semestrais preparatórios para o exame TOEFL iBT, em nível intermediário e pós-intermediário para a comunidade universitária.

A segunda etapa do Programa Paraná Fala Inglês iniciou em junho de 2017. Nesta fase, partiu-se do princípio de que é necessário ir além da preparação para os testes de proficiência para se aproximar às reais necessidades de apoio ao processo de internacionalização em todas as esferas da atividade universitária.
Os programas Paraná Fala Inglês e Paraná Fala Francês, fazem parte do plano estratégico da Superintendência Geral de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (SETI) chamado “Paraná Fala Línguas Estrangeiras", que tem como objetivo contribuir com a promoção da internacionalização das universidades estaduais do Paraná.

Por meio de cursos são capacitados professores, estudantes e agentes universitários para que possam participar de programas de mobilidade internacional. Os cursos auxiliam na formação de docentes de diversas áreas do conhecimento para ministrarem suas disciplinas em língua inglesa e francesa, como também para fomentar parcerias com países falantes das duas línguas, a fim de promover ações conjuntas em prol da qualificação, fortalecimento e expansão do programa.

 

Objetivo Geral

Impulsionar as universidades a promoverem ações de internacionalização de maneira significativa por meio do ensino, da pesquisa e da extensão que ultrapassem as barreiras geográficas ao capacitar estudantes, docentes e agentes universitários em língua estrangeira.

 

Objetivos Específicos

  • Capacitar a equipe de coordenadores para gerirem os cursos em suas Instituições de Ensino Superior;
  • Capacitar a equipe de instrutores de línguas para ministrarem os cursos específicos;
  • Ofertar cursos preparatórios para obtenção da pontuação necessária em exames internacionais de língua inglesa;
  • Ofertar cursos de inglês geral, inglês acadêmico, inglês de fins específicos e outros, potencializando as publicações em revistas internacionais de alto impacto
  • Ofertar cursos para intensificar a participação da comunidade acadêmica em eventos internacionais e preparar a comunidade acadêmica para o cenário internacional da pesquisa, considerando a diversidade linguístico-cultural;
  • Ofertar cursos em áreas estratégias de desenvolvimento internacional da universidade;
  • Fomentar a parceria com países falantes de língua inglesa, a fim de promover ações conjuntas em prol da qualificação, fortalecimento e expensão do PFI